Letras de canciones - Letras.com

Quando a noite vem
Um verão assim
Abrem-se cortinas, varandas, janelas
Prazeres, jardins
Onze e meia alguém
Concentrado em mim
No espelho castanho dos olhos
Vê finalidades sem fins

Não lhe mostro todos os bichos
Que tenho de uma vez
Armo o circo com não mais
Do que uns cinco ou seis

Leão, camelo, garoto, acrobata
E não há luar
E os deuses gostam de se disfarçar

Composición: Antônio Cícero / Orlando Morais · Ese no és el compositor? Avisenos.
Añadido por Eliane
  • Envío de la traducción
  • Envía leyenda
  • Acordes
  • Escuche música
  • Fotografías
  • Videos
  • Imprimir
  • Corregir
  • Envía letras para...
43 reproducciones
Ver más fotos
Canciones
Top canciones
Escuchando ahora oyentes
    Artistas
    Estilos Musicales
    Destacados
    Destacados Más Recientes
    Más