Filho Do Dr. E A Criança

Caju & Castanha

reproducciones 92

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada(2X)

Todo dia quando saio pra estudar minha mãe diz meu filhinho você
leva o celular, no fim da aula telefone para mim que eu mando o
seu Joaquim correndo-lhe buscar.
Meu pai morreu nem me botou na escola e mamãe só me ensinou ir
pra rua pedir esmola até que um dia uma prata eu não ganhei e o
amigo que arranjei me ensinou a cheirar cola.

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada

Na minha casa tem radio, televisão, gravador e video-game para
minha diversão, tem motorista pra mim levar pra escola eu nunca
vou cheirar cola porque papai é barão.
Na minha casa eu não tenho o que comer por isso sair pra rua pra
poder sobreviver mas me juntei com um amigo viciado e hoje estou
no mesmo estado e ninguém quer me socorrer.

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada

Quando eu nasci ganhei um berço de ouro minha casa é um tesouro
dentro de um lindo jardim, vivo feliz junto com a minha família
e papai vive em Brasília mandando real pra mim.
Quando eu nasci lá no morro da favela numa casinha singela sem
terraço sem portão, eu tive um susto to de volta lá no meio da
polícia com ladrão

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada

Toda noite quando eu quero dormir mamãe chama a empregada e
manda ela me cobrir ela me cobre e ainda me da beijinho canta
bem baixinho, vida boa é essa aqui.
É isso ai a sua dormida é legal pois eu durmo na calçada no
centro da capital ninguém me beija ninguém me da um mosquiteiro
meu braço é o meu travesseiro e meu lençol é um jornal

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada

Na minha rua tem uma pizzaria quando eu volto do colégio e vou
pra lá com alegria como de tudo fico de bucho empinado sou filho
de deputado e tenho toda mordomia.
Eu fui pedir um pão na padaria ai chegou o vigia e me deu uma
lapada e o dono disse ´´ pra você não tenho pão porque comida de
ladrão é pontapé e porrada``

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada

Todo domingo vou mais mãe pro Shopping Center como, brinco,
ganho presente pois isso me satisfaz, aonde eu chego o povo
gosta de mim viver feliz é assim o que eu quero mais.
Tentei entrar no parque de diversão mais apareceu um homem me
deu um empurrão disse pra mim que criança abandonada não pode se
misturado com filhinho de barão.

Sou filho de doutor e para mim não falta nada, sou trombadinha
sou criança abandonada...

Terra Música feedback